Por Instituto Serrapilheira

A ciência foi historicamente uma ferramenta na construção do racismo no Brasil. No entanto, ela também pode ter um papel fundamental na mudança deste cenário, segundo a filósofa e ativista antirracismo Sueli Carneiro. Neste Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, declarado pela ONU, a fundadora e coordenadora do Portal Geledés explica o que é o epistemicídio e como esta prática limitou as fronteiras do conhecimento ao excluir outras fontes de saberes. “Nós produzimos uma forma de ciência que não foi capaz de coexistir harmonicamente.”

O Serrapilheira é uma instituição privada sem fins lucrativos, criada para valorizar a ciência e aumentar sua visibilidade e impacto no Brasil.

Assista ao vídeo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s